AlagamaresDestaques

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O VI ENCONTRO DE HISTÓRIA DE SINTRA

A Alagamares-Associação Cultural promove nos dias 29 e 30 de abril, o VI Encontro de História de Sintra, depois de em 2007, 2014 e 2017 ter organizado os III, IV e V Encontros.

No decorrer da iniciativa que terá lugar na Quinta da Ribafria, “vão ser apresentados temas diversificados e originais relacionados com a História de Sintra, quer da Sintra histórica, quer a dos aglomerados que a constituem serão abordados, num encontro que se pretende vivo e participado”, sublinha a Associação na sua comunicação enviada ao CCDS.

Da arqueologia ao restauro, da História Local de Belas e Rio de Mouro, ao Festival de Sintra e aos últimos moradores de Monserrate, “será uma jornada profícua com alguns dos melhores investigadores que a Sintra têm devotado atenção”, destaca a Alagamares.

As inscrições estão abertas através do email, alagamaressintra@gmail.com ou pelo telefone 924203824 até 26 de abril, com indicação de nome, profissão, local de trabalho e contactos telefónico e de mail.

A inscrição no Encontro será gratuita para alunos e professores de escolas do concelho e participantes com mais de 65 anos, e terá o valor de 10 euros para os demais. No final, será entregue um diploma de presença a cada participante. A lotação é limitada.

ORADORES

PROGRAMA

09h30 – Acreditação (entrega de pasta com programa, papel e caneta)
10h00 – Sessão de Abertura

10h30 – “História Marítima de Sintra: uma síntese de dez anos de investigação
Marco Oliveira Borges – Centro de História, Universidade de Lisboa. Mestre em História Marítima pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e doutorando pela mesma instituição. Investigador associado do Centro de História da Universidade de Lisboa e membro correspondente da Academia de Marinha.

11h45 – “Homenagem a Jorge Telles de Meneses
Miguel Real – Professor do ensino secundário, investigador do CLEPUL (Centro de Literaturas e Culturas Europeias e Lusófonas da Faculdade de Letras de Lisboa, romancista e ensaísta.

14h00 – “José Maria Latino Coelho e a educação popular
Carlos Manique – Doutor em Ciências da Educação (especialidade História da Educação). É Diretor do Centro de Formação de Associação de Escolas Rómulo de Carvalho, em Mafra. É investigador da Unidade de Investigação e Desenvolvimento em Educação e Formação do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa.

15h00 – ‘O Sultanato da Pena’… outras visões e o mais que está por vir”
Nuno Miguel Gaspar – Licenciado em História da Arte pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Mestre em Arte, Património e Teoria do Restauro. Exerce, desde 2001 funções profissionais na Parques de Sintra – Monte da Lua, S.A.

16h15 – “Carvalho Monteiro e a portugalidade da Quinta da Regaleira
João Rodil – Investigador na área de história, etnografia e literatura, com obras publicadas sobre a história da região de Sintra, autor entre outros de “Serra, luas e Literatura”,”Sintra na obra de Eça de Queirós”, “Janas – Uma Aldeia, Um Clube, Uma História”, “Os Dias do Corvo” e do programa  Portugal Culto e Oculto da RTP 2.

17h00 – “Alto da Vigia: o santuário romano, o ribat islâmico e a defesa do território
Alexandre Marques Gonçalves – Arqueólogo no Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas/ Câmara Municipal de Sintra; Centro de Arqueologia da Universidade de Lisboa (UNIARQ). Mestre em Pré-história e Arqueologia pela Faculdade de letras de Lisboa.  Diretor do projeto AVISRARA (Alto da Vigia: Santuário Imperial Romano e Ribat de Alconchel).  .

Dia 30 de abril

09h30 – “Raios e Coriscos… as suas ‘pedras’. As intempéries do Século XVII na Paróquia de Belas
Rui Oliveira – Rui Oliveira, é investigador de História Local Sintrense. Colaborador e amimador da RJ – Anima; Associação para Valorização da Ribeira do Jardo ou da Agualva, no Troço Urbano da Cidade de Agualva Cacém.

10h15 – “Breve história do Festival de Sintra
Mario João Machado – Antigo chefe da Divisão de Turismo da Câmara Municipal de Sintra

11h00 – “Azulejaria de Exterior em Sintra – Arte e Tipologias
Ricardo Duarte – Licenciado e Mestre em História da Arte pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. A comunicação que apresenta tem como base a sua dissertação defendida na referida Instituição intitulada “Azulejaria de Exterior em Sintra – História, Arte e Tipologias” (2018). Investigador independente de História local de Sintra, temáticas de História da Arte, defesa do Património e de Genealogia.

11h45 – “Casal do Almargem, domínio senhorial da antiga freguesia de Nossa Senhora de Belém em Rio de Mouro termo da Vila de Sintra
Júlio Cortez Fernandes – Mestre em Ciência Política e Governação. Historiador e Investigador de História local. Autor do blogue ” Tudo de Novo a Ocidente ” sobre temáticas Sintrenses. Antigo Vereador e Deputado Municipal em Sintra. Autor do livro “Pampilhosa da Serra – Poder local e Ruralidade no Estado Novo (1934-1974). Atual Presidente da Assembleia de freguesia de Rio de Mouro.

14h15 – “Sintra e Ribeiro de Carvalho- Um Património a proteger
Jorge Trigo – Escritor e ensaísta, antigo Presidente da Assembleia Municipal de Sintra

15h00 – Dez anos de intervenções em Monserrate
Marta Frade – Diretora Pedagógica da Escola Profissional de Recuperação do Património de Sintra. Conservadora-Restauradora e Professora. Licenciatura pré-Bolonha em Conservação e Restauro do Instituto Politécnico de Tomar (IPT). Mestre. Doutorada no Ramo das Belas-Artes, Universidade de Lisboa na especialidade de Escultura.

16h15 – “A Comunidade Cristã Nova de Sintra entre os séculos XVI e XIX
Jorge Martins – Doutorado em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Autor de manuais escolares, obras de ficção e ensaio sobre história contemporânea, história local e estudos judaicos e inquisitoriais, designadamente: Portugal e os Judeus, 3 vols., 2006; Breve História dos Judeus em Portugal, 2009; A República e os Judeus, 2010; Maria Gomes, Cristã-nova, 117 anos: a mais idosa vítima da Inquisição, 2012; Manteigas, Minha Pátria: os cristãos-novos de Manteigas, 2015, A Inquisição em Ourém, 2016.

17h00 – “Os Kingsbury, últimos habitantes de Monserrate”
Margarida de Magalhães Ramalho – Licenciada em História da Arte e investigadora do Instituto de História Contemporânea da Universidade Nova de Lisboa. Curadora de inúmeras exposições, tem cerca vinte títulos publicados, alguns dos quais sobre Sintra.

Encerramento

20h45 – Visita guiada noturna, à Quinta da Regaleira
João Rodil – Historiador

Fontes:
Textos – Alagamares e Sintranoticias.pt
Fotografias – CMS e Alagamares